Lilia Cabral fala sobre maturidade e violência doméstica durante campanha da Usaflex

Dona de uma carreira marcada por sucessos e de uma beleza natural, a atriz que completou 65 anos de idade em julho diz que encara com naturalidade a maturidade. “Na verdade, a maturidade para mim veio a partir dos 30 anos, quando minha mãe faleceu. Eu não tinha irmãos, minha mãe era uma pessoa sozinha, então eu tive que aprender muitas coisas na raça. Talvez, se não fosse assim, eu não teria conseguido as coisas que conquistei, o reconhecimento do público, principalmente. Então, a maturidade já faz parte de mim há bastante tempo e eu aprendi muito com ela”, contou durante as gravações da campanha de Verão 2023 da Usaflex.

Sobre se manter bem e confortável ela afirma que o importante estar em constante movimento – e corpo e mente andam juntos nesse sentido. “Acredito, também, que é preciso se cuidar. É lógico que eu gostaria de fazer mais exercícios – todo mundo tem esse desejo e é realmente necessário. No entanto, eu sou disciplinada em outras coisas, na alimentação, por exemplo. Cuidar da mente também é muito importante. Eu já fui muito mais estressada na juventude. Agora eu tenho outras prioridades que não me deixam tempo para me estressar. Depois de uma certa idade, ou você aproveita a vida com o que ela te dá, ou então você está perdendo o seu tempo”.

Já sobre a luta da violência contra as mulheres ela acredita que falta dar visibilidade a essa causa e reconhecer as dificuldades vividas pelas mulheres. “Em A Favorita, minha personagem, a Catarina, era vítima de abusos. O marido dela, o Leonardo [interpretado por Jackson Antunes] era extremamente violento. Na época, esse trabalho contribuiu para o aumento das denúncias de violência em 25% no Brasil. A educação também tem papel fundamental nisso tudo. Pois, quando você educa corretamente, não ensina apenas que não se pode bater nas mulheres. Você ensina que não pode bater em ninguém. Sem a educação, nem as denúncias surtem o efeito desejado, pois a mulher pode ficar à mercê de um marido que a ameaça. Então, o que precisamos é que a sociedade inteira se movimente em prol de uma cultura contra a violência”.

Luísa Neves
Luísa Neves
Sou Luísa Neves, cordenadora do Portal Lumi Pop e apaixonada por cultura pop, livros, K-pop e cultura oriental.

Leia Também

Juliette incentiva mulheres a votarem no dia 02/10

No início da tarde de hoje (26), a cantora Juliette mais uma vez usou de sua popularidade para mandar um recado importante para as...

Festival Rock Session traz grandes nomes do rock a Curitiba

Após estreia com ingressos esgotados na Vibra São Paulo, uma das casas de espetáculos mais respeitadas da América Latina, o Rock Session, novo festival...

Bia Nogueira propõe uma mistura dos tambores afromineiros ao pop no single e clipe “Calma”

Antecipando seu novo disco, “Respira”, a multiartista e produtora negra Bia Nogueira faz de seu novo single e clipe, “Calma”, um chamado à reconexão...

JOVA cria fanfic de romance entre Adoniran Barbosa e Nair Bello em novo clipe

JOVA é a encarnação artística de Diego Jovanholi, cantor e compositor fluminense que prepara o caminho para as próximas canções. Seu novo single, por...

Horóscopo: 28 de setembro de 2022

Confira tudo o que os astros revelam para o horóscopo de amanhã (quarta-feira, 28 de setembro de 2022) sobre o seu signo

Horóscopo: 25 de setembro de 20

Confira tudo o que os astros revelam para o horóscopo de amanhã (segunda, 25 de setembro de 2022) sobre o seu signo

Horóscopo: 26 de setembro de 2022

Confira tudo o que os astros revelam para o horóscopo de amanhã (segunda-feira, 26 de setembro de 2022) sobre o seu signo

Últimas